Voyage LS 1983

A história do meu Voyagessauro

Voyage-124x

 Meu Voyagessauro foi originalmente comprado pelo meu pai em 1988 com 63.000Km. Quando completei 16 anos, exatamente no dia do meu aniversário,  meu pai disse: “Está na hora de você começar a aprender a dirigir”. Nem preciso dizer o quanto fiquei surpreso e feliz, mas “o curso” demorou 2 anos e só depois dos 18 ele “liberou” o Voyage, portanto este Voyage foi o 1º carro que eu dirigi na vida. Segundo minha prima Lilian, que é psicóloga e trabalhou num hospital psiquiátrico, isso explica porque gosto tanto do meu Voyagessauro, mas ela recomendou que toda família fizesse terapia …(!!?).

Voyage-71x Voyage-93x Voyage-106x Voyage-114x

Em 93 quando meu pai resolveu trocá-lo por uma Belina 4×4, vendi meu Passat 80 (antes tive um Passat 74 “Azul Iraque”) e comprei o Voyagessauro (estava com 103.000 Km), na época tentei encontrar alguns detalhes de acabamento que estavam quebrados e deixá-lo original, porém acabei descobrindo que não existiam mais! (Na verdade, não existia internet comercial, então procurei em lojas físicas da região).  Acabei optando por customizar o carro: em 95 troquei o câmbio por um 5 marchas (usado), em 97 reformei o carro (funilaria, pintura, borrachas, frisos, plásticos,etc…) em 98 troquei o motor por um AP 2000 (novo) e os bancos por Recaro, em 1999 finalmente pude parar de usar o Voyagessauro diariamente.

Voyage-49x Voyage-57x Voyage-148x Voyage-169x

Em 2006 descobri que o carro estava com muita ferrugem no assoalho e caixas de ar ao erguer o carro para instalar o kit de freio a disco traseiro. Então resolvi desmontar o carro inteiro, trocar tudo que estivesse podre ou com massa, borrachas, frisos, etc. Essa “restauração” demorou 18 meses (pois o dono da funilaria deixou meu carro de lado) e desde o final de 2007 o Voyagessauro está novamente na garagem, porém na cor Prata Reflex e sem ferrugem.

Atualmente ele está com 184.000 Km (20.000 Km o motor 2.0) e só ando com ele nos finais de semana de sol e para participar de encontros de carros antigos, o restante do tempo ele fica na garagem 150 coberto com a capa para não pegar nem poeira.

Voyage-51x

Dados técnicos do meu Voyage

Motor

Cilindrada : 1984

Potência: 125cv a 5600 rpm

Torque: 179,5 Nm a 3200 rpm

Câmbio

1º marcha 3,45:1

2º marcha 1,94:1

3º marcha 1,29 :1

4º marcha 0,97:1

5º marcha 0,80:1

Diferencial 3,89:1

Dados do manual do proprietário (Santana 2.0 ano 90 / Santana 1.8 ano 95)

20 respostas para Voyage LS 1983

  1. Jhones disse:

    Boa noite. Achei seu carro muito lindo. Tenho um voyage 85, na mesma cor do teu. Gostaria de restaurá-lo mantendo a originalidade. É um motor ap 1.6 com 5 marchas (trocou a original de 4 marchas). Gostaria de saber como vc restaurou o painel de instrumento e ele como um todo.

    • garagem150 disse:

      Obrigado pelos elogios ao Voyagessauro. O painel do 83 é de lata, diferente do seu 85, para restaurar eu troquei todas as partes que tinham ferrugem ou massa plástica, troquei todas as borrachas, frisos,etc…

    • Leandro disse:

      Jhones, o seu Voyage entra nos Modelos ( L/LS/Plus/GLS/S/Sport/Super L.Ang ) ?
      Qual é o seu especifico ?
      Estou olhando um Voyage 85 1.6 AP Gasolina, 4 portas, 4 machas.
      E gostaria de tirar alguma duvidas.

  2. Jhones disse:

    Boa tarde, pessoal! fiquei um tempo sem olhar a página, mas ainda continuo na busca de restaurar o painel. O meu é Ls 1.6 Ap (convertido para gasolina), Carburador miniprogressivo, 2 portas, 5 marchas.

  3. Kelvyn Nogueira disse:

    Boa tarde !
    Nem preciso falar, seu VOYAGE esta sensacional.
    Gostaria de saber quanto foi seu gasto para restaurar somente a parte de funilaria… queria deixar o meu (Voyage Paddock 1.5 Ap 1982) zero como o seu, e estou com o mesmo problema, ferrugem no assoalho e caixas de ar.
    Agradeço desde já.

    • garagem150 disse:

      Kelvyn, eu fiz ao longo de vários anos e terminei a mais de 10 anos, não tenho como saber quanto gastaria hoje. Mas suponho que atualmente eu gastaria entre 15 mil e 25 mil com a funilaria e pintura, mas tudo depende de quanto a oficina é famosa e se vai usar peças originais raras ou comuns de reposição. Eu usei tinta e verniz da marca PPG alto sólido para ter durabilidade….Enfim tudo depende de quanto vc está disposto a gastar. Que modelo é este de Voyage que não conheço? Também tenho 1 ano 82 original placa preta.

  4. Guilherme disse:

    Ola,tenho um voyage ls 85 1.6 Ap , queria saber onde comrprou as pecas , foi em algum site ou loja na sua cidade?se for em site tem como mandar o link?

  5. Guilherme disse:

    Olá vc sabe me dizer o nome da cor que era seu voyage antes de pintar de prata?

  6. Rodrigo Santos disse:

    Ficou lindo o carro,
    Tenho um voyage 83 tbm e queria deixar o painel bonito assim.
    O meu está um poko sem vida mas bem conservado.
    Você tem alguma dica?

    • garagem150 disse:

      Rodrigo, o painel do 82 e 83 é de lata, então foi repintado. Os plásticos desmontei tudo lavei e passei um produto desses que recuperam a cor original depois de umas 345 vezes que vc passa…..os números são adesivos e pintei os ponteiros, também fiz polimento do acrílico dos instrumentos.

      • Rodrigo disse:

        Entendi. Vou fazer o mesmo, esse cd procurei no mercado livre mas não achei. Ele contém os códigos das peças neh. A volkswagen ainda vende peças do voyage 83 na concessionária.
        Como tenho o carro a pouco tempo e sou novo nesse mundo de garimpar peças OEM. Por exemplo esse console central que vc pois eh do gol gt correto? E essa proteção do radiador, eh do santana neh. pois vejo que todos voyages q vejo não tem essa proteção. mas se existe uma gostaria de por no meu.
        Desculpa perguntar tanto mas eh q não vejo muitos Voyages inteiros por ai.
        Obg

      • garagem150 disse:

        Rodrigo, a VW não deve ter mais peças. Mas não custa tentar… São peças do Voyage mesmo, algumas de modelos mais novos ou de séries especiais, como o complemento do console e o aerofólio que é do Los Angeles. Não tem nenhuma peça de acabamento do Santana, tem o motor e a transmissão do Santana apenas.

  7. Rodrigo disse:

    Eu de novo rs.
    se puder me ajudar, ao lado da chave existe um lugar para botão q vi q o seu possui essé botão. o meu não possui. esse botão eh do q ? quero colocar os opcionais q existiam nele.
    do outro lado sei q eh farol, e milha. o terceiro seria oq?
    obg pela ajuda.
    att

  8. Geraldo Conceição da Cunha disse:

    Olá, meu Gol 89 Quadrado. está podre em quase todo o painel. Alguns chapeadores o condenaram, dizendo que o conserto sai mais caro que o valor do carro. Em princípio, não me importaria de gastar um pouco mais, pois tenho um certo apreço pelo meu 1.8. Gostaria de uma opinião. Vale a pena restaurar um Gol 89?

    • garagem150 disse:

      Geraldo, financeiramente nenhum carro “comum” e fabricado aos milhares vale a pena ser restaurado quando está muito podre e enferrujado. As vezes uma série especial ou um GTi ou GTS …. Mas a verdade é que somos apaixonados por nossos carros e queremos eles novos outra vez, então gastamos 3, 4, 5 vezes o valor de mercado para ter esse carro novo na garagem …. A verdade é : se vc não tem nenhum sentimento pelo seu Gol e acha que ele é só plástico e lata e um meio de transporte, não vale a pena, melhor vender e comprar outro. Agora se vc encara seu Gol como se fosse um membro da família, vai valer muito a pena restaurar, gastar uma fortuna pra deixá-lo novinho!!! Sem contar a diversão de desmontar, lavar,limpar, procurar peças, montar, etc se vc resolver fazer algumas etapas dessa restauração.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s